sexta-feira, 20 de fevereiro de 2009

Desconfiança

Que merda, eu não tô errado.
VIU?


¬¬

Pronto, desabafei.
Por quê, mesmo quando a gente sabe que tá certo, o universo sabe que a gente tá certo, os poros transpiram certeza... Ainda assim vem uma sobrancelha alheia, com tom de ironia desconfiativa [sic moral, dá licença] e me deixa com cara de tanso?

Ok, pelo menos tenho o que falar hoje, na terapia.
Sessão: "Eu estou certo de que eu estou certo/Preciso de lexotans".
Sobrou algum ai??

quinta-feira, 19 de fevereiro de 2009

Esta é a vida real???

video

Às vezes eu também não sinto nada... me sinto estranho, e não é uma sensação boa. É certo, não fico tão anestesiado quanto esse gurizinho ai do vídeo (não sem uma biritinha, óbviamente). E, por enquanto, todos os meus dentes estão no seu devido lugar, ainda bem. Vamos encarar isso como lucro, sendo que tem tanta gente disposta a quebrar um por um, se tivesse coragem. Pfffffff.

Para ele foi o dentista o que para mim é o futuro. Me anestesia, angustia, dá vontade de BERRAR. Não consigo ver nada, e me sinto cansado. Caramba, tem muito pela frente! Carreira, caminhos, decisões, vida afetiva... Blergth. mais uns 70 anos, sendo bem otimista? Vai dizer que pensar assim não te cansa também? Ah, nem vem.

Do alto destes 21 (anos, OK?), estou mais para míope do que para visionário. Atento, permaneço sem ver nada, me sentindo profundamente útil neste mundo de possibilidades. Sei que ninguém vê, nessas horas de reflexão, o que virá pela frente. O que invariavelmente nos espera. E isso não te deixa curiosamente fadigado, companheiro? Quase não consigo terminar este texto, de tanto marasmo. O.o

Mas, entretanto, não deixa de ser uma canseira amiga. "Com a maturidade vem o juízo", certa vez disse minha mãe. Ou foi uma vizinha? Enfim, uma figura materna, como qualquer mulher que está além dos seus "enta" simboliza para mim (ok, sou carente, tenho uma mãe em cada esquila. E, no lar dos idosos, umas 30). A responsabilidade está ai. Os cizos, floresceram. E a maturidade? Tem espaço pra ela na minha vidinha medíocre e alegre? Ixiii...

Enquanto o sortudinho ali tem pontos na boca, eu os tenho na cabeça. Internamente, pontos DE VISTA. Aliás, uma miscelânea deles. E olha que evito tocá-los, para não embaralhar mais.

E, sim, isso não vai durar para sempre. Pelo menos, não até o próximo post.

FALA MOSADA!

(obs - Se tu não entende inglês, MANÉ, tá ai o link, do iutubi, do vídeo com legendas em português: http://www.youtube.com/watch?v=2sWSerx84iQ)

Ah, os problemas...


Vamos resolver, né?